Visit the new FARNET 2014-2020 website

Quando não for possível evitar estes orçamentos reduzidos, existe alguma forma de os GALP darem resposta à questão da massa crítica?

Os Estados-Membros que atribuíram orçamentos reduzidos aos GALP e que não os puderem aumentar de qualquer das maneiras acima descritas podem, em geral, explorar as seguintes alternativas para reduzir as consequências negativas:

•    Em primeiro lugar, a estratégia do Eixo 4 pode ser desenvolvida e aplicada de modo que faça parte de uma estratégia integrada mais alargada para o território, financiada a partir de diferentes fontes. Estes fundos podem incluir um conjunto de recursos internos, os outros eixos do FEP, o LEADER e o FEADER, o FEDER e o FSE. Nalguns casos o Eixo 4 pode centrar-se em medidas ligeiras e nos recursos humanos utilizados para criar ideias e projectos que podem proporcionar fundos exteriores ao eixo.
•    Em segundo lugar, os GALP podem procurar partilhar os recursos humanos, os serviços e os equipamentos de organizações locais experientes e já existentes (especialmente, mas não só, grupos LEADER), conseguindo desta forma economias de escala.

No entanto, estas duas abordagens implicam o risco de diluir o valor acrescentado específico do Eixo 4, absorvendo-o em estratégias e organizações que não têm o mesmo nível de preocupação com as zonas de pesca e as comunidades piscatórias. Os Estados-Membros que adoptarem esta abordagem devem mostrar que criaram garantias e condições para assegurar que isso não acontece.